Atendimento Personalizado

Queremos receber o seu contato para entender a sua necessidade e com isto lhe atender da melhor forma possível.
whatsapp icon WhatsApp: (35) 9.8429-9938

Como Avaliar uma Esmeralda

Esmeraldas são uma das pedras preciosas mais cobiçadas há mais de 4.000 anos. Inúmeros historiadores associaram essa gema à rainha Cleópatra, última da linhagem dos faraós egípcios. Cleópatra era tão obcecada com esmeraldas que frequentemente fazia uso delas para ornamentar seus vestidos, joias e coroas. Essas pedras são quase 20 vezes mais raras do que diamantes e têm um valor altíssimo.[2] Embora você provavelmente não queira uma esmeralda para colocá-la em uma coroa, pode estar no mercado em busca de comprar ou vender uma gema de boa qualidade. É importante conhecer os elementos que contribuem para a valorização de uma esmeralda, antes de comprá-la ou vendê-la.

Avaliando limpidez, corte e tamanho

esmeraldas procurar inclusoes

Procure por inclusões

Esse termo se refere a quaisquer materiais (como bolhas de ar ou pequenos cristais) que tenham ficado presos dentro da pedra durante sua formação. Quase 99% das esmeraldas apresenta inclusões visíveis a olho nu ou com o auxílio de uma pequena lupa usada por joalheiros.
Uma grande presença de inclusões classifica uma esmeralda como gema de Tipo 3, significando que elas podem ser vistas a olho nu ou estão sempre presentes.
Uma esmeralda com uma quantidade excessiva de inclusões que diminui sua transparência ou limpidez valerá menos do que outra, que as tenha em menor quantidade.
Tome cuidado com inclusões que cheguem à superfície da pedra, que podem causar rachaduras.

 

esmeraldas examinar corte

Examine o corte da esmeralda

Esmeraldas podem ser difíceis de cortar porque a prevalência de inclusões as torna vulneráveis a rachaduras durante o processo de corte. Com frequência, esmeraldas são cortadas em um formato retangular (conhecido como “corte em degraus” ou “corte esmeralda”) que ajuda a manter a consistência de sua cor.
O corte de uma esmeralda deve ajudar a protegê-la de possíveis danos decorrentes de uso e desgaste.
Um corte de qualidade aprimora a matiz, o tom e a saturação da esmeralda. Ele a deixará brilhante e com uma coloração atraente, enquanto um corte inadequado pode resultar em uma boa coloração, mas com característica opaca.

 

esmeraldas tamanhos

Esmeraldas existem em diversos tamanhos

Assim como a maioria das pedras preciosas, esmeraldas podem existir em uma grande variedade de tamanhos, de pequenas gemas com 0,02 a 0,5 quilates (1 a 5 mm) até pedras de 1 a 5 quilates (7 a 12 mm) para anéis ou colares.

 

esmeraldas tamanhos valores

Nem sempre o tamanho representa o valor

É verdade que as pedras maiores são mais valiosas do que as menores. No entanto, qualidade é algo tão importante quanto o tamanho, e esmeraldas de grande porte tendem a apresentar inclusões maiores ou mais visíveis que podem afetar sua limpidez. Uma pedra menor de qualidade superior provavelmente valerá mais do que uma maior e de qualidade inferior. Além disso, a coloração de uma gema pode impactar significativamente seu valor.

 

esmeraldas examinar cor

A importância da cor

Esmeraldas vêm em diversas tonalidades distintas. Desse modo, a cor representa um dos fatores mais importantes na determinação de seu valor. A variância na cor de esmeraldas ocorre devido às diversas quantidades de cromo, vanádio e ferro no ambiente onde as pedras foram formadas. Ela pode ser subdividida em categorias de matiz, tom e saturação.

 

esmeralda matriz

Identifique o matiz da esmeralda

O matiz é provavelmente aquilo em que você pensa ao ouvir a palavra “cor”. O matiz de uma esmeralda se refere ao tipo específico de verde que ela apresenta.
Os matizes de esmeraldas vão do verde-azulado ao verde-amarelado.
Por exemplo, as esmeraldas obtidas no Zâmbia se caracterizam por seus verdes profundamente azulados, enquanto suas contrapartes mineradas no Brasil e na Colômbia apresentam um matiz verde mais puro e intenso.

 

esmeraldas tons cores

Observe o tom de cor de uma esmeralda

O tom se refere à tonalidade da cor de uma pedra. No caso das esmeraldas, é possível encontrar tons de verdes muito claros e outros muito escuros. A associação entre tom e valor é difícil de ser estabelecida. Frequentemente, esmeraldas mais escuras são consideradas mais valiosas, mas, se uma pedra ficar escura demais, ela acaba perdendo seu valor.
- Esmeraldas com tons médios a médio-escuros são as mais valiosas existentes no mercado.
- Esmeraldas com tons de verde puro ou verde-azulado são as mais cobiçadas, em parte porque estão associadas a uma mina colombiana de alta reputação, chamada Muzo.
- Esteja ciente de que as pedras muito amareladas ou azuladas podem não ser consideradas como esmeraldas e, por isso, são muito menos valiosas.

 

 esmeraldas saturacao

Avalie a saturação de uma esmeralda

A saturação se associa à transparência de uma esmeralda. Gemas com uma saturação elevada (significando que são muito transparentes) são mais valiosas do que aquelas que apresentam níveis mais baixos de saturação.
Essa característica pode ser associada tanto à inclusão quanto ao tom; gemas com muitas inclusões podem parecer menos transparentes. Da mesma forma, esmeraldas com cor verde muito escura não absorvem muita luz e, por isso, parecem mais opacas do que pedras mais claras.